Todos os artigos são redigidos segundo o português escrito em Portugal e não adoptam o novo Acordo Ortográfico.

TAP tem novo destino: Banjul

Será o 18.º destino africano da companhia aérea.

Esta Primavera, a TAP, que voa actualmente para dez países africanos, já tinha anunciado a estreia na Guiné-Conacri em Julho. Agora, confirma a chegada à Gâmbia, começando a voar para a capital, Banjul, em Outubro. 

Segundo comunicado da empresa, haverá voos Lisboa-Banjul três vezes por semana. A cidade fica na ilha de Santa Maria (também chamada ilha de Banjul), na foz do rio Gâmbia. O país homónimo, rodeado pelo Senegal, ficando a cerca de 300km tanto de Dakar como de Bissau. 

A TAP continua assim a expandir a sua presença em toda a região, sendo que já voa para os países próximos, incluindo Senegal e Guiné-Bissau, além da próxima ligação a Conacri. Tem também voos para Costa do Marfim, Gana e Togo, que se juntaram aos mais tradicionais Cabo Verde (Sal, Praia, S. Vicente e Boavista), S. Tomé e Príncipe (S. Tomé), Angola (Luanda), Moçambique (Maputo) e Marrocos (Marraquexe, Casablanca, Tânger e Fez). Contas feitas, 18 cidades em doze países.

Dados fornecidos pela TAP indicam que a empresa transportou "mais de 1,1 milhões de passageiros" nas rotas africanas em 2018, “um crescimento de 11,3% face ao ano anterior”. 

A nova ligação aérea a Banjul estreia-se a 26 de Outubro e já tem bilhetes à venda no site da companhia, desde 480 euros ida-e-volta.

Os conselhos aos viajantes pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros português referentes à Gâmbia podem ser encontrados aqui.